4 abr 2012

O ciclo do arroz

Seja o primeiro a comentar!  |  Postado por: admin

Autoras: Cristina Quental e Mariana Magalhães
Ilustrações: Sandra Serra

Coleção: O ciclo

Temática(s): alimentação saudável, nutrição, vida rural, tecnologia de alimentos, brincadeiras (lenga-lenga, música, teatro).

PROJETO PEDAGÓGICO

Sinopse: Depois do almoço, a professora Tita chegou à sala de aula e encontrou os alunos ansiosos por saberem de onde vinha o arroz. Após muitas descobertas na classe, a professora decide preparar uma visita de estudo a um arrozal, que percorra todo circuito do arroz – alimento universal mais consumido, sobretudo por chineses e japoneses.
Os alunos descobrem que o arroz é a base de elaboração para várias receitas culinárias e cresce em locais inundados pela água.
Junte-se à turma da professora Tita e aprenda tudo sobre o ciclo do arroz. Depos, divirta-se ainda com as seções Lenga-Lenga e Canção, que ajuda, a saber mais sobre esse cereal.

Recomendação: A partir dos 6 anos – Educação infantil e ensino fundamental I

Temas transversais: Saúde, Ética, Meio Ambiente e Pluralidade Cultural.

Introdução

Doce, azedo, amargo ou salgado. Desde bebês nos alimentamos e desenvolvemos nosso paladar muitas vezes dando preferência para algum tipo de alimento. Escolha na qual podemos definir nossa saúde, prevenir doenças e aumentar tempo de vida.
Quando os alimentos chegam até a mesa, seja do almoço ou jantar, não refletimos sobre o percurso inicial que fizeram para chegar até nós, processo de industrialização ou conservação, por exemplo.
Este projeto provoca uma reflexão sobre a qualidade da alimentação baseada no arroz. Além disso, ainda sobre o arroz, vamos estudar o processo de plantio e colheita o seu aspecto global como cultura, benefícios alimentícios, sua presença em outros países, culinária e outros textos pertinentes ao projeto .
Trabalhar um projeto a partir do tema gerador arroz é surpreendente e fascinante, uma vez que ele propicia o envolvimento concreto dos os alunos, explorando conteúdos e ampliando conhecimentos.
Bem-vindo (a) a esta expressiva viagem que é : “O ciclo do arroz”.

Objetivo geral

Integrar o conhecimento sobre alimentação e práticas saudáveis à construção de hábitos alimentares.

Objetivos específicos

a) Combinar leituras, observações, experimentações e registros para coleta, análise e comparação.

b) Valorizar e adotar hábitos alimentares saudáveis como um dos elementos básicos da qualidade de vida.

c) Produzir, expressar e comunicar suas ideias; formular questões, diagnosticar e propor soluções para problemas reais, colocando em prática conceitos, procedimentos e atitudes desenvolvidos no aprendizado escolar;

d) Valorizar o trabalho em grupo, sendo capaz de ação crítica e cooperativa para a construção coletiva do conhecimento.

ESPAÇO CLIQUE

- Utilizar a rede social twitter como instrumento de partilha do saber, adequando a criação do texto ao perfil do gênero.

SUGESTÃO SEQUENCIA DIDÁTICA

Atividade prévia

Identifique titulo da obra, autor e biografia, gênero textual, editora etc.

a) Converse com seus alunos sobre as necessidades básicas do corpo humano como comer e dormir. Promova um levantamento de hipótese sobre o que acontece com a comida depois de ingerida, conduza o diálogo falando sobre o gasto de energias e o vínculo com o alimento. Para testar, faça entre os alunos um campeonato de velocidade:

Diferente das corridas tradicionais, onde todos correm ao mesmo tempo, este terá o percurso cronometrado individualmente. Na quadra ou pátio da escola, todos os alunos devem correr a mesma distância, porém o tempo do percurso deverá ser registrado através do desempenho individual. O registro da pulsação pode ser feito antes e depois da corrida para fins de comparação.

Ensine os alunos a medir seus batimentos cardíacos através do pulso posicionando o dedo indicador e médio sobre o pescoço.Calculando antes e depois de correr. Solicite que após a corrida e o registro, multipliquem por quatro o número de batimentos cardíacos para obter sua frequência por minuto.
Promova uma pesquisa sobre qual a quantidade de calorias dos alimentos; quanto de energia gastamos no dia e como o consumo do arroz pode favorecer a nossa saúde. Também destaque a importância de uma alimentação saudável para manter a saúde física e mental.

b) Fale sobre a desnutrição e, em grupos, solicite aos alunos formas de combatê-la. Através das hipóteses, peça aos alunos que registrem utilizando diversos materiais como: cartolina, recortes de revista, giz de cera, tinta guache. Neste registro deve estar presente alimentos saudáveis que favoreçam o bom funcionamento do organismo.

c) Proponha uma releitura da obra do pintor Arcimboldo Giuseppe:
Ele utilizou várias frutas, verduras e legumes em sua construção. Permita que os alunos façam também a sua obra de arte.


Imagem/fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Giuseppe_Arcimboldo

(Acesso em: 2 mai. 2012)

d) Utilizando um papel Kraft, deite um aluno e solicite que seus colegas façam o contorno do seu corpo. Dê barbante para que os alunos colem, simbolizando as veias e a circulação do sangue pelo corpo levando as vitaminas provenientes dos alimentos. Para esta reprodução podem ser acrescentados os órgãos dos sentidos e dar um nome ao boneco.

e) Organize uma culinária simples para que se possa fazer o cálculo de calorias referentes à quantidade de arroz utilizada :
- 1 litro e meio de leite;
- 2 xícaras de arroz (já lavado);
- 3 xícaras de açúcar;
- Canela em pau (quantidade a gosto);
- 1 lata de leite condensado;
- Uma panela bem grande para que o leite ferva e não derrame.

Modo de preparo

1. Cozinhar o arroz no leite, juntamente à canela;
2. 20 min depois, mexer de tempos em tempos, acrescentar o açúcar, deixar mais 20 minutos e logo em seguida acrescentar o leite condensado e deixar mais 20 minutos;

3. Colocar em uma linda travessa.

Uma delícia, esse é o verdadeiro arroz doce.

f) Acompanhe através da leitura do livro O ciclo do arroz, conhecendo passo a passo o processo que esse cereal sofre desde a sua semeadura até chegar aos pratos das famílias. Com sucata, monte uma exposição mostrando as fases desse ciclo. Enriqueça com curiosidades, estudo de culturas que utilizam o arroz de diferentes formas. Para o dia da apresentação, ofereça também um pouco da culinária feita com arroz na sequência didática.

ESPAÇO CLIQUE

Faça uma avaliação diagnóstica com a turma no intuito de descobrir a porcentagem de alunos que costumam utilizar o Twitter como rede social. Diferencie o tipo de textos escritos no Twitter com outros gêneros da internet para que compreendam a função e o estilo.
Crie uma conta no Twitter para a turma, onde todos possam postar frases sobre alimentação, os benefícios do arroz e o bem-estar do corpo com o consumo de uma alimentação de qualidade. Pontue no momento da construção da escrita o limite de caracteres que um texto para o twiter suporta, em especifico usando a criatividade e o conteúdo, que deve ser preciso.

Multimídia

Vídeo: Semeando o Arroz

http://www.youtube.com/watch?v=cbSAs2yP4PE

Vídeo: Uns dois feijão com arroz – Tem a cara do brasil

http://www.youtube.com/watch?v=umcfoME6S54

Curiosidades

Por que jogam arroz nos noivos?

A tradição teve origem, há mais de 4 mil anos, em terras chinesas, onde o arroz sempre foi um símbolo de prosperidade. Segundo a lenda, tudo começou quando um mandarim (alto funcionário público na China antiga) teria encomendado uma chuva de arroz para ser atirada sobre sua filha após a cerimônia de casamento, para demonstrar a todos sua riqueza e seu amor pela moça. A partir daí, o gesto teria se espalhado pelo mundo todo – a ponto de dar origem à expressão “arroz de festa”. No século XX, a milenar tradição chinesa foi atingida pela moda do politicamente correto: nos Estados Unidos, os noivos passaram a dar preferência a pétalas de rosa, alegando que o arroz poderia fazer mal aos pássaros que porventura o comessem.

Fonte: http://mundoestranho.abril.com.br/materia/por-que-jogam-arroz-nos-noivos

(Acesso em: 29 mar. 2012)

 

Avaliação

A avaliação acontecerá paulatinamente, de acordo com o desenvolvimento do conteúdo e conhecimento adquirido, transpondo-o para hábitos de alimentação saudáveis, inicialmente dentro da escola, extrapolando, depois, até a residência dos alunos.

Serviços educacionais


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Comentários (sem comentários)

Nossos Projetos

a partir de 3 anos

a partir de 4 anos

a partir de 11 anos

Literatura em Teatro: apresentação do livro Minha chupeta virou estrela

Datas comemorativas

widget